terça-feira, 31 de março de 2020

Coronavírus: Camilo garante pagamento de conta de luz de 534 mil famílias cearenses por três meses

O Governo do Estado vai garantir o pagamento da conta de luz de mais 534 mil famílias de baixa renda no Ceará por três meses. A informação foi confirmada pelo governador Camilo Santana, na tarde desta terça-feira (31), durante uma transmissão ao vivo pelo Facebook. 

A medida, contudo, ainda depende da aprovação de uma lei na Assembleia Legislativa. O governador Camilo Santana afirmou que enviará o projeto de lei "em breve" para que o ação possa valer pelos meses de abril, maio e junho. 
A iniciativa valerá para as famílias que consumirem até 100 quilowatts (kW) por mês. Segundo estimativa do Estado, mais de 534 mil famílias devem ser beneficiadas. 
"Eu vinha negociando uma alternativa e queria garantir um política para a polulação mais vulnerável. São de 534 mil famílias. Estou enviando uma Assembleia uma lei para que o Governo possa pagar a conta de quem consome até quem consome até 100 kilowatts por mês. É mais uma medida importante para proteger a população", disse Camilo.
Ceará registrou mais dois óbitos pelo novo coronavírus, totalizando sete mortes. Os dados são do Ministério da Saúde, divulgados em boletim nesta terça-feira (31). No país, o número de casos registrados subiu para 5.717. O Ministério da Saúde revelou também 42 mortes nas últimas 24 horas, totalizando 201 no País. 
dn

Coleta de lixo domiciliar em Caucaia está regular; Confira a rota no seu bairro

A Prefeitura de Caucaia, por meio da Secretaria Municipal de Patrimônio, Serviços Públicos e Transporte (SPSPTrans) mantém regular a coleta de lixo domiciliar nos bairros do município neste período de quarentena.
Os serviços são executados diariamente a partir das 7h e as 17h. Segundo a subsecretária da SPSPTrans, Alyne Leite, 24 rotas atendem diversos bairros da cidade. “Mantemos todos os esforço para atender a população nestes dias de isolamento social como forma de prevenção contra o coronavírus. Com a limpeza regular também evitamos a disseminação de muitas doenças”, ressalta.
A SPSPTrans mantém a linha telefônica (85) 9800.1449, via aplicativo Whatsapp, que serve como ouvidoria para receber reclamações, dúvidas, solicitações, elogios relacionadas a limpeza pública em Caucaia.
Confira as rotas, horários e dias da semana:
Noturno (segunda, quarta e sexta-feira a partir das 17h)
Rota 1: Conjunto Araturi, Residencial Araturi, Esplanada do Araturi, 14, Loteamento Parque Jurema, Novo Paraíso, Loteamento Amazonas e Parque Cajueiros;
Rota 2: Metrópole Sul, Eldorado, Arianópoles 2, Metrópole V e Centro;
Rota 3: Nova Metrópole;
Rota 4: Arianópoles 1, Patrícia Gomes, Bairro dos Cariocas, Granja Lisboa e Avenida da Integração até o balão do Metrópole;
Rota 5: Condomínio dos Linos (2, 4, 6, 7 e 8), Avenida Dom Almeida Lustosa, Avenida São Vicente de Paula, Avenida Airton Senna, Avenida Contorno Leste/Norte/Oeste e Sul, balão do Metrópole;
  
Noturno (terça, quinta e sábado a partir das 17h)
Rota 1: Potira I e II (até a Heberardo Rodrigues);
Rota 2: Potira II (até a Avenida Dom Almeida Lustosa) e Condomínio Jurupari;
Rota 3: Potira III, Guadalajara e Centro;
Rota 4: Marechal Rondon;
Rota 5: Condomínio dos Linos (1, 3 e 5), Condomínio dos Gregos, Condomínio dos Cariocas, Avenida São Vicente de Paula, Avenida Airton Senna, Avenida Contorno Leste/Norte/Oeste e Sul, finalizando no balão do Metrópole;
 
Diurno (segunda, quarta e sexta-feira a partir das 7h)
Rota1: Nova Cigana, Cigana, Açude e Padre Romualdo;
Rota 2: Itambé I e II, e Vicente Arruda;
Rota 3: Condomínio Mister Hull, Parque das Nações e São Miguel;
Rota 4: São Miguel II, Parque Albano, Barreiros e Nova Brasília;
Rota 5: Tabapuá, Ipiranga e Tabapuazinho;
Rota 6: Parque Soledade e São Geraldo;
Rota 7: Conjunto Metropolitano (Picuí).
 
Diurno (terça, quinta e sábado a partir das 7h)
Rota 1: Pacheco, Tabuba, Cumbuco;
Rota 2: Parque Itapuã, Curicaca, Mestre Antônio, Parque Estrela, Nova Esperança, Barra Nova, Santa Fé, Jardim Icaraí e Camurupim;
Rota 3: Genipabu, Jandaiguaba e Capuan;
Rota 4: Bom Jesus, Grilo, Vila Gois, Cabatã, Pabussu;
Rota 5: Guaié, Iparana, Parque Leblon e Guajiru;
Rota 6: Planalto Caucaia, Padre Júlio Maria I e II, e Palmirim;
Rota 7: Icaraí (praia, morro e condomínios).
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

MS e CNJ autorizam sepultamentos sem atestado de óbito quando há suspeita de coronavírus

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, assinaram portaria que autoriza o sepultamento e cremação de pessoas sem a necessidade de um atestado de óbito diante da suspeita de morte pelo novo coronavírus (covid-19). As informações são da Veja.
A portaria, que deve ser publicada até esta quarta-feira, 1º, foi assinada após o ministro da Saúde ter afirmado e governadores de Estados que o momento é de preparar funerárias para um aumento no número de vítimas fatais pela infecção pandêmica.
Conforme a determinação, os estabelecimentos de saúde poderão enviar pessoas para sepultamento ou cremação sem atestado de óbito "na hipótese de ausência de familiares ou pessoas conhecidas do obituado ou em razão de exigência de saúde pública". A medida justifica-se pela "necessidade de uniformização nacional do protocolo de anotação da causa mortis relacionada às doenças respiratórias no preenchimento das declarações de óbitos por todos os serviços de saúde do País" e pela constatação de que deve-se "providenciar o sepultamento em razão dos cuidados de biossegurança, a manutenção da saúde pública e respeito ao legítimo direito dos familiares do obituado providenciarem a inumação".
Já que Brasil até agora tem evitado testar os casos leves ou assintomáticos, visando não sobrecarregar o sistema de saúde, a portaria do CNJ e do Ministério da Saúde (MS) prevê que quando não se souber ao certo a causa do óbito para o registro civil das mortes, as mortes causadas por doença respiratória suspeita para o novo coronavírus, mas sem confirmação por exames, devem ser registradas como "provável para covid-19" ou "suspeito para covid-19".
Depois que a portaria for publicada, as Corregedorias-Gerais de Justiça dos Estados e do Distrito Federal terão prazo de 48 horas para criar um canal de comunicação exclusivo, onde serão enviados boletins eletrônicos das declarações de óbito. Com isso, espera-se que as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde possam ser comunicadas em até dois dias sobre as mortes para registro oficial.
O POVO

76% dos casos de coronavírus apresentam febre e tosse como sintomas principais no Ceará

Pouco mais de 76% dos casos confirmados de coronavírus no Ceará apresentaram febre e tosse como principais sintomas. O dado está incluso no mais recente Informe Epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa), que apontou 382 registros de Covid-19 até a noite da segunda-feira (30).
Na lista dos sintomas mais comuns estão ainda a coriza, registrada em 39% dos pacientes; dor de garganta, com 38,6%; e cefaleia, com 38,1%. Além desses, com porcentagem menor, o balanço aponta incidência de sintomas como adinamia, mialgia e atralgia, dificuldade de respirar, congestão nasal, diarreia, calafrios, náuseas e vômitos.
Dos 45 idosos com coronavírus informados no balanço, 80% deles tiveram febre e 79% apresentaram quadro com tosse. 
Novos dados
Em 24 horas, de acordo com o boletim, mais 23 casos positivos de Covid-19 foram confirmados em território cearense. Assim, os 382 casos confirmados pela Sesa no Ceará representam 47,7% de todas as confirmações feitas no Nordeste. Apesar do aumento, o número de mortes continua em cinco registros. 
Ao todo, 3 pessoas já foram liberadas de internação, todas em Fortaleza. 

Camilo prorroga decreto

No Estado, o primeiro caso confirmado de coronavírus foi registrado no dia 15 de março. No dia 20 de março, a Sesa oficializou a transmissão comunitária.
Para tentar frear a transmissão da doença, dentre outras medidas, o governador Camilo Santana emitiu um decreto no dia 19 de março restringindo a abertura de espaços como bares, comércios, igrejas e escolas e autorizando somente a manutenção dos serviços essenciais como farmácias, supermercados e hospitais. No último sábado (28), ele prorrogou o decreto por mais uma semana, até o dia 5 de abril.
Além disso, o Estado segue recomendando o isolamento social como forma de barrar a transmissão do coronavírus que no Estado vem apresentando, apesar das variações, uma curva de contaminação alta, com muitos casos confirmados em um curto intervalo de tempo.
DN

Caucaia recebe mais itens de proteção para profissionais da saúde

A Prefeitura de Caucaia recebeu nesta terça-feira (31/03) diversos itens de proteção para os profissionais da saúde que estão da linha de frente do combate ao novo coronavírus (Covid-19) no município. Todos os itens foram disponibilizados pelo Ministério da Saúde.
Álcool etílico 70% em gel, óculos de proteção, luvas para procedimentos não cirúrgicos, luvas de procedimento nitrílicas, sapatilhas descartáveis e máscaras hospitalares comuns foram os itens recebidos. 
O material será distribuído em todas as 45 Unidades de Atenção Primária à Saúde (UAPS) de Caucaia, o Hospital Municipal Doutor Abelardo Gadelha da Rocha, e as duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA) Centro e Jurema.
“Essa é uma crise sofrida pelo mundo inteiro e todos esses materiais estão em falta. Mas aos poucos estamos recebendo de nossos fornecedores e outros mais virão. Garantimos assim um melhor atendimento aos nossos munícipes que lutam conosco contra esse vírus e damos qualidade de trabalho aos nossos profissionais da saúde”, afirma o prefeito Naumi Amorim.
“Caucaia está fortalecida no combate ao coronavírus. Enquanto nos estruturamos, enfatizamos que a população deve fazer o isolamento social, ficar em casa, para evitarmos a proliferação deste vírus. É a maneira mais eficaz no combate, comprovada por cientistas”, reitera o secretário de saúde de Caucaia, Moacir Soares.
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

Taxa de evolução dos casos de coronavírus é a menor em uma semana no Ceará

Um levantamento estatístico do Instituto Ampla Pesquisa, divulgado nesta terça-feira (31), mostra que o Ceará registrou a menor taxa de evolução de casos confirmados do novo coronavírus desde o último dia 23 de março, quando o crescimento ficou estável. Entre os dias 29 e 30 de março, o aumento foi de 23 novos casos, apenas 6,41% a mais no intervalo entre um dia e outro. Até então, a taxa variava entre 11% e 14%. 



DN

Prefeitura mantém serviços online e por telefone; Saiba como funciona

Neste momento de isolamento social para a não proliferação do novo coronavírus (COVID-19), a Prefeitura de Caucaia mantém alguns serviços por meio de plataformas on-line ou por contato telefônico para assegurar atendimento à população.
Na Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), o setor de Identificação (RG) está com os agendamentos presenciais suspensos. O Cadastro Único tem atendimento das 8 horas às 13 horas por meio dos contatos (85) 98765.2306 ou pelo e-mail: cadastrounico@sas.caucaia.ce.gov.br.
 
O Abrigo Familiar mantido pela SDS continua com atendimento 24 horas. O Conselho Tutelar (Sede e Jurema) cumpre um plano nos atendimentos por telefone, por meio do contato: (85) 99110.4288 (Sede) e (85) 98511.4568 ou 98176.6945 (Jurema). As visitas domiciliares do Programa Criança Feliz estão suspensas, assim como os atendiemntos nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras), que mantém um e-mail para dúvidas: psb@sas.caucaia.ce.gov.br.
Já o serviço de solicitação de troca de lâmpadas queimadas está funcionando normalmente pelo call center 0800.878.2741.
Os atendimentos presenciais estão suspensos na Secretaria Municipal do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo (Setem). Usuários do Seguro Desemprego terão atendimentos mantidos conforme agendamento feito pelo e-mail segurodesemprego@setem.caucaia.ce.gov.br ou pelo Whatsapp: (85) 33422533. 
O Balcão do Empreendedor atende pelo e-mail: setem@caucaia.ce.gov.br e Whatsapp: (85) 33425210. Já o setor de captação de vagas disponibiliza o e-mail captacaovagas@setem.caucaia.ce.gov.br e Whatsapp (85) 991762166 para dúvidas de vagas disponíveis. 
Na Educação, as aulas estão suspensas em todas as 187 unidades da rede municipal de ensino. O calendário será reformulado para as aulas serem repostas em julho deste ano ou janeiro de 2021.
O Instituto do Meio Ambiente do Município de Caucaia (Imac) está funcionando em regime de plantão durante o período de quarentena, mas disponibiliza o sistema de licenciamento e denúncia para o contribuinte de forma on-line por meio do seu site oficial: www.w2innovations.net/imac_online.
A Secretaria Municipal de Patrimônio, Serviços Públicos e Transporte (SPSPTrans) mantém regular a coleta domiciliar de lixo nos bairros do município neste período de quarentena. O contato (85) 9800.1449, via aplicativo Whatsapp, é disponibilizado pela Secretaria como ouvidoria para receber reclamações, dúvidas, solicitações e elogios relacionadas a limpeza pública em Caucaia.
SERVIÇOS
IMAC
Site: www.w2innovations.net/imac_online
Contato: (85) 99943.6822
E-mail: imac@caucaia.ce.gov.br
SDS
Creas e Centro Pop
E-mail: pse@sas.caucaia.ce.gov.br
Conselho Tutelar (Sede)
Contato: (85) 99110.4288
Conselho Tutelar (Jurema)
Contato: (85) 98511.4568 / 98176.6945
Identificação Registro Geral (RG)
Contato: (85) 98809.7568 / 98748.5993
Cras
E-mail: psb@sas.caucaia.ce.gov.br
Cadastro Único Bolsa Família
Contato: (85) 98765.2306 (8h às 13h)
E-mail: cadastrounico@sas.caucaia.ce.gov.br 
 
Procon Caucaia
Atendimento online: www.consumidor.gov.br
Contato: (85) 99187.6381 / 98960.3623 / 99181.7379
E-mail: deconce@mpce.mp.br 
Setem 
Seguro Desemprego 
E-mail: segurodesemprego@setem.caucaia.ce.gov.br 
Whatsapp: (85) 33422533
Balcão do Empreendedor
E-mail: setem@caucaia.ce.gov.br
Whatsapp: (85) 33425210 
Captação de Vagas 
E-mail: captacaovagas@setem.caucaia.ce.gov.br
Whatsapp: (85) 991762166
Coleta domiciliar de lixo
Contato: (85) 9800.1449
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

segunda-feira, 30 de março de 2020

Período de quarentena: produtividade de magistrados é acompanhada semanalmente pela Corregedoria-Geral da Justiça

Por meio do Sistema de Estatística e Informação (SEI), a Corregedoria- Geral da Justiça do Ceará está acompanhando a produtividade de todos os magistrados durante o período de quarentena. O objetivo é verificar possíveis dificuldades encontradas e auxiliar os juízes na prestação jurisdicional.
César Morel, juiz auxiliar da Corregedoria, explica que o monitoramento é realizado semanalmente para que os “serviços nas unidades judiciárias de todo Estado estejam funcionando normalmente por meio do TeleTrabalho”. O magistrado ressalta que as inspeções judiciais nas varas da Capital, Região Metropolitana e Interior também continuam sendo feitas, eletronicamente, por meio do SEI. “Mantemos nosso calendário de inspeções. Com a ferramenta eletrônica conseguimos ter um diagnóstico preciso das unidades judiciais. Verificamos como está o andamento processual de cada vara. Depois de inspecionadas, produzimos relatórios e entramos em contato com o juiz responsável pela unidade.”
ROTINA MANTIDA
Por meio do trabalho remoto, juízes, servidores e funcionários da Corregedoria permanecem com sua rotina normal de trabalho. Todos os processos administrativos estão sendo analisados pelos setores do Órgão através do Sistema de Automação da Justiça Administrativo (SAJ-Adm). O corregedor-geral, desembargador Teodoro Silva Santos, enfatiza que o “serviço do Poder Judiciário em prol da sociedade não pode parar, e nesse período de quarentena, o TeleTrabalho tem sido o grande aliado”.
O juiz César Morel reforça que, “nesses tempos difíceis, o trabalho remoto tem sido de fundamental importância para manter a rotina dos serviços em casa. Continuamos na análise e assinaturas de processos administrativos e judiciais. Estamos ainda em comunicação com os outros Órgãos da Justiça e de Administração do Estado. As demandas mais urgentes tratamos por telefone”.
Também por meio eletrônico, o Setor Extrajudicial da Corregedoria mantém seu trabalho de fiscalização e orientação dos serviços notarias e registrais prestados pelos cartórios do Estado.

tjce

Período de quarentena é oportuno para o combate à dengue

A Prefeitura de Caucaia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), vem conscientizando a população de Caucaia por meio de suas mídias sociais, para o combate na formação de criadouros do mosquito da dengue dentro de casa que pode ser realizado durante este período de quarentena.
O isolamento social foi decretado pelo Prefeito Naumi Amorim após indicações de técnicos e cientistas da área da saúde apontar como a melhor forma de não proliferação do novo coronavírus (Covid-19).
“Com o isolamento social para prevenir a transmissão do novo coronavírus (Covid-19) em Caucaia, a população tem mais tempo para se dedicar na vistoria e limpeza de suas casas e desta forma, combater o mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya”, comenta o titular da pasta, Moacir Soares.
Conforme levantamentos estatísticos da Secretaria, 90% dos focos do mosquito transmissor das arboviroses estão dentro das residências. “No período que as pessoas estão em casa é preciso aproveitar para darmos ênfase no controle de criadouros dentro dos imóveis”, ressalta.
Para o coordenador do Núcleo de Endemias e Zoonoses da SMS, Francisco Pires, é importante as pessoas executarem em casa faxinas nos quintais e em diversos cômodos que possam ser potenciais criadouros do mosquito. “Vamos aproveitar a quarentena para não dar chances ao mosquito nascer. São apenas 10 minutos de limpeza diariamente que faz toda a diferença para evitar as arboviroses”, sintetiza.
Este ano, entre os meses de janeiro, fevereiro e março, já foram notificados 326 casos de dengue, mas apenas um foi confirmado. Já a febre chikungunya, foram 15 notificações e um caso confirmado. Em 2019, ao longo de todo o ano, Caucaia registrou 1.463 notificações e 247 casos confirmados de dengue. A febre chikungunya contabilizou 156 notificações e 67 confirmações.  
O que fazer em casa:
Não deixe água parada. Elimine os locais onde o mosquito nasce e se desenvolve, evitando sua procriação;
Não deixe acumular água em pratos de vasos de plantas. Coloque areia fina até a borda do pratinho;
Tampe os tonéis e caixas d’água;
Mantenha as calhas sempre limpas;
Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;
Mantenha lixeiras bem tampadas;
Deixe ralos limpos e com aplicação de tela;
Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;
Retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa;
Cubra e realize manutenção periódica de áreas de piscinas e de hidromassagem;
Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água;
Verifique instalações de salão de festas, banheiros e copa.
 
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

Coronavírus: mortes no Brasil chegam a 159, com 4.579 casos confirmados

O número de mortes pelo novo coronavírus no Brasil subiu para 159 nesta segunda-feira (30), segundo dados do Ministério da Saúde. Em 24 horas, 23 pessoas morreram em decorrência da Covid-19. No domingo, eram 136 mortes. Esse foi o maior número de mortes em um dia, segundo dados do Governo Federal.

O país registra 4.579 casos confirmados da doença, de acordo com dados da plataforma do Ministério da Saúde atualizada às 16h50 desta segunda. O número representa um salto de 7,6% com relação a domingo, quando eram contabilizados 4.256 infecções.
Com relação aos casos confirmados, a mortalidade da doença é de 3,5% no país.
O estado de São Paulo tem o maior número de infectados, com 1.517 casos. A Secretaria da Saúde do Ceará deve apresentar um novo boletim ainda nesta segunda. Na sequência, segundo o Ministério, aparecer o Rio de Janeiro (657), Ceará (372), Distrito Federal (312) e Minas Gerais (261).
dn

Salas de vacinas de Caucaia já estão reabastecidas com vacina contra a gripe

A Prefeitura de Caucaia recebeu nesta segunda-feira (30/03) o terceiro lote de vacinas contra a gripe. As 45 Unidades de Atenção Primária à Saúde (UAPS) de Caucaia já foram reabastecidas com 7.500 mil doses. O público alvo continua sendo os idosos a partir de 60 anos e profissionais da saúde.
Somente na última semana, a Prefeitura de Caucaia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), vacinou 18 mil idosos. Além de abastecer as salas de vacinas, as doses também serão usadas para vacinação domiciliar de idosos acima de 80 anos, acamados e pessoas com dificuldade de locomoção. A Secretaria disponibilizou uma linha telefônica para agendamento da vacinação: (85) 98958.0371.
Três instituições que abrigam idosos em Caucaia também receberão a visita de técnicos da SMS nesta semana, chegando ao alcance de mais de 240 idosos e profissionais nestes equipamentos. Na última semana, outras instituições foram vacinadas e 300 idosos foram vacinados. 
Segundo Ministério da Saúde, novas datas foram estipuladas para a campanha de vacinação contra a gripe:
Dia 16 de abril, inicia a vacinação de professores, profissionais das forças de segurança e salvamento, além dos doentes crônicos. 
Dia 9 de maio, inicia para crianças a partir de 6 meses e menores de 6 anos, grávidas, mães no pós-parto, pessoas com 55 anos ou mais, população indígena e pessoas com deficiência.
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

Deputado João Jaime foi internado com sintomas e diagnóstico de Covid-19 é confirmado

O deputado João Jaime (DEM) está com coronavírus e é o 5º parlamentar da Assembleia diagnosticado. Ele foi internado ontem (29), após sentir febre, tosse e dor no corpo. Disse que está com 50% dos pulmões “comprometidos”, mas sem falta de ar. Ele não recebeu resultado do teste, mas médicos confirmam a doença. Mais de 10 políticos cearenses já foram afetados.

o povo

Mesa Diretora da AL prorroga ponto facultativo

Alinhada às medidas de prevenção contra a propagação do Covid-19 no Ceará, a Assembleia Legislativa do Estado decidiu, por meio de uma portaria da Mesa Diretora da Casa, prorrogar o ponto facultativo na AL por mais uma semana, até zero hora do dia 6 de abril.
 
A nova determinação foi assinada nesse domingo (29/03) pelo primeiro secretário, deputado Evandro Leitão (PDT), e ressalta "o quadro de excepcional emergência na saúde pública que exige medidas de natureza mais restritiva para conter a propagação e infecção humana pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2)". 
 
O documento também esclarece que ocupantes de cargos de direção e chefia estão autorizados a convocar servidores para serviços indispensáveis e relevantes, com exceções daqueles que fazem parte do grupo de risco. 
 
Anteriormente, a Assembleia Legislativa do Ceará havia decretado ponto facultativo entre os dias 23 e 27 de março, seguindo a mesma medida adotada pelo Poder Executivo estadual. 
 
Por conta da quarentena, a Casa realizou duas sessões deliberativas remotas, por videoconferência, nos dias 20 e 27 de março, e vem adotando sistema de teletrabalho. 
 
As sessões por videoconferência são transmitidas pela TV Assembleia (canal 31.1), rádio FM Assembleia (96,7MHz), Portal (www.al.ce.gov.br) e Facebook da Casa.
 
Uma série de outras medidas também está em curso na casa, como as transmissões pelos órgãos de comunicação do Poder de  informações e orientações à população sobre as ações de prevenção contra a propagação do Covid-19.
 
JM/CG

Prefeito prorroga decreto com medidas de combate ao novo coronavírus

O prefeito Naumi Amorim prorrogou para a zero hora do dia 6 de abril o decreto que estabelece ações de combate a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no município de Caucaia, no âmbito do serviço público, além de fazer recomendações ao setor privado. A medida consta no Diário Oficial do Município (D.O.M.) deste domingo (29/03).
“Estamos seguindo orientações técnicas e científicas de que a alternativa mais responsável no combate à pandemia é a continuidade do isolamento social. É a melhor maneira para evitar o avanço da doença. Estamos protegendo a vida de todos, em especial daqueles que integram o grupo de risco”, afirma o Prefeito Naumi Amorim.
No decreto, fica suspenso o funcionamento de templos, igrejas e demais instituições religiosas; cinemas e outros equipamentos culturais, públicos e privados; academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares; lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou prestem serviços de natureza privada; “shopping center”, galeria/centro comercial e estabelecimentos semelhantes. Também fica vedada e interrompida a “frequência a barracas de praia, lagoa, rio e piscina pública ou quaisquer outros locais de uso coletivo e que permitam a aglomeração de pessoas”.
Bares, restaurantes e lanchonetes que funcionem no interior de hotéis, pousadas e similares, podem funcionar desde que os serviços sejam prestados exclusivamente a hóspedes. Os estabelecimentos poderão funcionar apenas por serviços de entrega, inclusive por aplicativo. O descumprimento do decreto acarretará a aplicação de multa diária de até R$ 15.000,00 (quinze mil reais).
“O isolamento da população é o meio mais eficaz para conter a rápida disseminação do COVID-19, reduzindo a curva de crescimento da doença e, assim, permitindo que as unidades de saúde não entrem em colapso na capacidade de atendimento”, afirmou Moacir Soares, secretário municipal de saúde de Caucaia. 
O decreto não veda os órgãos de imprensa e meios de comunicação e telecomunicação em geral, serviços de call center, os estabelecimentos médicos, odontológicos para serviços de emergência, hospitalares, laboratórios de análises clínicas, farmacêuticos, psicológicos, clínicas de fisioterapia e de vacinação, distribuidoras e revendedoras de água e gás, distribuidores de energia elétrica, serviços de telecomunicações, segurança privada, postos de combustíveis, funerárias, estabelecimentos bancários, lotéricas, padarias, clínicas veterinárias, lojas de produtos para animais, lavanderias, e supermercados/congêneres.
Assessoria de Comunicação
(85) 3342.4410
ascom@caucaia.ce.gov.br

Estado tem 10 altas hospitalares de pessoas com Covid-19

O estado com maior número de casos confirmados no Nordeste, o Ceará tem registrado um dado animador: a porcentagem de altas hospitalares. Até ontem, dos 38 casos que necessitaram de internação, 10 haviam recebido alta. O número é o dobro do registro de óbitos entre cearenses. As informações são do boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).
Sair do ambiente hospitalar, entretanto, não é sinônimo de cura. "O critério para hospitalização não é ter ou não ter covid-19, é a gravidade do caso. Quando se tem alta, a gente pode dizer que a pessoa está recuperada e não precisando mais dos cuidados no hospital", explica a secretária executiva de Vigilância e Regulação da Sesa, Magda Almeida. "Mas não deixa de ser um dado positivo, já que quando internada a pessoa pode estar suscetível a outros vírus. Quanto menor o tempo de internação, menor o risco de outras infecções", completa.
A médica ressalta que os estudos desenvolvidos ainda estão em curso e mostram tempos diferentes de transmissibilidade e recuperação, além de casos raros de reinfecção. "O tempo atual para liberar às atividades cotidianas são 14 dias a partir do início dos sintomas. Esse é o período médio a partir do qual os pacientes deixam de transmitir o vírus", explica Magda. Caso a alta venha antes do 14º dia, a recomendação é que seja cumprido o isolamento domiciliar, sem contato físico ou compartilhamento de objetos.
Já para ser considerado curado, como em outras doenças causadas por vírus, o paciente deve estar imune e ter transmissibilidade nula. A fim de ter certeza desses critérios são necessários um exame de sangue para identificação de anticorpos e um novo exame das secreções de nariz e boca para atestar a ausência do coronavírus. "Nem todo mundo está fazendo (tais exames) porque a gente está economizando recursos para os pacientes", explicita a secretária.
o povo

Com covid-19, médico Raul Cutait está internado em estado grave

O cirurgião gástrico Raul Cutait está internado em estado grave no Hospital Sírio-Libanês. Ele foi internado no dia 27 com covid-19 e passou a receber ventilação mecânica, ou seja, ser entubado, neste domingo, dia 29.
Aos 70 anos, Cutait é um dos médicos mais respeitados do País. Ele atua como cirurgião gástrico do próprio Hospital Sírio-Libanês, além de ser professor do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da USP e membro da Academia Nacional de Medicina.
Cutait é um dos integrantes da equipe médica que acompanha o tratamento do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, contra um câncer e tem entre seus pacientes mais famosos os ex-presidentes Lula, Michel Temer e Dilma Rousseff.
Cutait é o segundo médico de grande prestígio de São Paulo a ser diagnosticado com covid-19. O infectologista David Uip, coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, revelou que tinha contraído o Ele está em quarentena. Em entrevista ao Estado, o infectologista afirmou que está sendo difícil ficar isolado ‘sabendo que o mundo está caindo na sua frente’. 
O Hospital Sírio-Libanês informou que, desde que o novo coronavírus chegou no País, 104 funcionários tiveram resultado positivo para a doença. O hospital diz que adotou, de forma proativa, a medida de testar os profissionais que atuam na linha de frente no combate à doença ou aqueles que apresentaram sintomas. "Não há evidências de que eles foram infectados no hospital, uma vez que já há transmissão comunitária da doença no País", informou, por meio da assessoria.
Ainda segundo o hospital, os profissionais passam bem e já está havendo uma redução de casos entre os servidores, "o que pode ser reflexo da quarentena".

Idosa com suspeita de Covid declarada morta pela Sesa é transferida para UTI com ajuda da Justiça

Após oito dias de internação na UPA de Messejana em estado grave com sintomas de Covid-19 e aguardando por um leito em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), a idosa de 87 anos Gonçala Calixto Morais foi dada como morta equivocadamente pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) na última quinta-feira (26). A família entrou na Justiça, na quarta-feira (25) para conseguir vaga em hospital e foi surpreendida com a resposta da Sesa ao declarar o óbito da paciente. O erro também foi declarado à Justiça pelos familiares, por meio da Defensoria Pública do Ceará, que acompanha o caso.  
Neste domingo (29), a Sesa afirmou que a idosa está sendo transferida para o hospital IJF 2. Ela ainda aguarda resultado de exame para confirmar ou descartar Covid-19. 
"O [hospital] Leonardo da Vinci negou vaga. Diz que só recebe com paciente confirmado. A Central de Leitos está empenhada. O grande problema é que ela não consegue realizar a tomografia. Então fica nisso, ela nem faz o exame e nem é transferida para canto nenhum. Só vai um profissional lá quando o respirador apita. Estamos perdendo a esperança. São oito dias e nada aconteceu", relatou a neta Joélia Lima, antes de a secretaria se manifestar sobre a transferência. 
Em nota, a Sesa explicou que a paciente não foi transferida para o Hospital Leonardo da Vinci, unidade reativada em Fortaleza exclusivamente para o tratamento da Covid-19, porque o hospital recebe apenas pacientes com confirmação da doença.  
"Portanto, não é aconselhável a internação de pessoas que não tenham a confirmação da doença, tendo em vista que existe o risco de contaminação", acrescentou a Sesa. 
A família da idosa alega que foi informada de que a paciente precisava realizar uma tomografia antes de ser transferida, mas o exame não havia sido feito até este domingo. Além disso, segundo os familiares, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (samu) informou não estar realizando transporte de pessoas com suspeita ou confirmação de caso de Covid-19. 
A reportagem do Diário do Nordeste questionou a Sesa sobre as situações citadas acima, mas até a última atualização da reportagem não obteve retorno. 

DECLARADA DE ÓBITO

Gonçala Morais já estava há pelo menos cinco dias internada na UPA com sintomas da doença quando a família resolveu acionar a Justiça para conseguir um leito de UTI em Fortaleza, obtendo decisão favorável pelo juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública.  
Na quinta-feira (26), a Sesa respondeu à Justiça afirmando que "foram tomadas todas as providências necessárias para o cumprimento da decisão", mas que a paciente "veio à óbito no dia 26/03/2020 às 18h".  
Neste sábado (28), uma prescrição médica foi assinada por um profissional da UPA de Messejana atestando que a idosa permanecia internada em "estado gravíssimo, aguardando leito de UTI".  
A família então recorreu à Defensoria Pública novamente, que anexou aos autos do processo o erro da secretaria. 
"Segue valendo a determinação judicial e a Sesa deve acolher a paciente em leito compatível ao seu estado de saúde, como comprovado nos autos e determinado pela justiça", confirmou a Defensoria Pública. 

DN

Moradores de 68 cidades do CE aguardam resultado de testes de coronavírus

Além do isolamento social, para tentar barrar a transmissão da Covid-19, outra estratégia indicada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é a aplicação massiva de testes para diagnosticar a doença. No Ceará, em 15 dias, há 5 mortes por coronavírus e outras 359 pessoas estão contaminadas. Uma das justificativas para a alta quantidade, apontam especialistas, é a possível realização de muitos testes. Mas, esse tem sido um dos pontos frágeis no combate à doença: a incapacidade de ofertar testes para todas as suspeitas atrelada à demora na disponibilização das respostas. O tempo de espera para confirmação ou descarte da Covid 19, segundo o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) do Ceará, pode chegar a 17 dias. Moradores de 68 cidades aguardam resultados, conforme a entidade.
No Ceará, há casos confirmados de Covid-19 em 11, dos 184 municípios, são eles: Fortaleza (338), Aquiraz (7), Sobral (5), Quixadá (2), Caucaia (1), Fortim (1), Itaitinga (1), Juazeiro do Norte (1), Maranguape (1), Maracanaú (1) e Mauriti (1). Conforme o Cosems, nas 68 cidades que aguardam resultado, o tempo de espera tem variado entre 3 e 17 dias.
A presidente do Cosems, Sayona Cidade, ressalta que essa demora é uma “dificuldade generalizada. O interior inteiro está sem resposta”. Ela explica que os municípios receberam kits que fazem a coleta para os testes moleculares chamado RC-PCR (reação em cadeia da polimerase em tempo real), que faz a detecção específica do coronavírus a partir de amostra de secreção nasofaríngeo coletada por uma espécie de cotonete pelo nariz ou pela boca.
As equipes municipais de saúde, diz Sayonara, fazem a coleta e enviam o material nos transportes das próprias prefeituras para análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Ceará (Lacen), em Fortaleza. De acordo com ela, cada município se abastece de kits nas sedes das regiões de saúde e sendo recomendado buscar a quantidade demandada para testar as suspeitas e uma pequena reserva, para o caso de outras necessidades. “A gente vem nesse sufoco pedindo porque ficamos na desconfiança. Nos municípios, as pessoas acham que estamos escondendo alguma coisa. Gera o medo de uma coisa nova que estamos vivendo agora”, ressalta. O Cosems está fazendo ainda um levantamento da quantidade de exames que estão em espera por resultados.
Demora
Fortaleza não consta na lista do Cosems. Mas, um dos casos de espera relatados ao Sistema Verdes Mares é da idosa Gonçala Calixto Morais, de 87 anos, moradora da Capital. De acordo com a família, desde o dia 22 de março ela estava na UPA de Messejana, com quadro clínico de insuficiência respiratória grave e suspeita de Covid 19. A idosa precisava realizar alguns exames. A família chegou a acionar à Defensoria Pública para garantir a transferência da paciente para o leito em uma das unidades de retaguarda.
Conforme a neta da paciente, Joélia Lima, a família, inicialmente, teve negativas quanto à internação, pois era alegado pela rede de saúde que para garantir a internação em um dos hospitais de retaguarda seria necessário a confirmação para coronavírus. Nesse intervalo de tempo, foi concedida uma liminar para que o Estado garantisse o leito.
No entanto, um erro do setor jurídico da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) apontava o óbito da paciente. “O jurídico da Sesa pediu desculpa pelo erro. Peguei um documento na UPA atestando que ela está viva”, conta a neta. À tarde a Sesa informou que o exame feito pela idosa para confirmar ou descartar Covid-19 ainda aguardava resultado e acrescentou que a paciente deveria ser transferida para o IJF 2, no Centro. A família segue aguardando o resultado do exame realizado no dia 22 de março. Segundo a neta da paciente, ela foi internada na UTI em estado grave.
Até ontem, conforme a Sesa, foram realizados 4.664 exames laboratoriais para o diagnóstico da infecção pela Covid-19 no Ceará. Ao todo, 372 confirmaram o adoecimento. A diferença entre o total de exames positivos e os casos confirmados, informa a Sesa, leva em consideração a duplicidade de 13 amostras entre os laboratórios. Em 2.262 casos suspeitos não foi detectado o vírus e 1.840 aguardam resultado laboratorial.
A secretária executiva de Vigilância e Regulação da Sesa, Magda Almeida explica que há demora e dificuldades devido à quantidade de kits de reagentes para a testagem. O Estado tem um convênio com BioManguinhos (Fiocruz), que produz reativos como o teste para detecção do coronavírus, que, conforme Magda permitia a realização de análise de 100 exames por dia no Lacen. Contudo, esclarece, essa quantidade não significa total de pacientes testados, pois, em alguns casos, a amostra de uma pessoa precisa ser testada mais de uma vez. Isto entra na contagem de reagente.
Com o recente empréstimo de dois aparelhos, sendo um do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos (NPDM) e outro do Instituto de Ciências do Mar (Labomar), ambos da Universidade Federal do Ceará (UFC), a capacidade de análise do Lacen aumentou para 320 exames por dia. A Sesa também tenta, conforme Magda, organizar a ampliação da rede de testagem, inserindo o Centro de Hemoterapia e Hematologia do Ceará (Hemoce) e a Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Cariri (Famed/UFCA) na realização de testes de RC-PCR. Outra possibilidade é a aquisição de uma máquina já solicitada pelo Governo do Estado ao Ministério da Saúde que conseguiria realizar 1.000 exames por dia.
Prioridades
Além disso, devido à demora no tempo de resposta a Sesa, neste momento, trabalha com alguns critérios de prioridade. Os resultados dos exames dos pacientes internados nas UTIs e em seguida os das enfermarias passam na frente na fila de espera. Caso haja procedimentos de transplantes, tanto doadores quanto receptores devem fazer o teste para a Covid-19 e esse resultado também tem preferência. Outra situação são os óbitos em que haja suspeita de coronavírus. Os resultados desses exames também são priorizados.
A situação dos profissionais da saúde e da segurança também tem prevalência sobre os demais da fila de espera. Pois, segundo Magda, nesse momento de gargalo na disposição dos resultados, foi necessário diferenciar os grupos que estão na linha de frente de serviços públicos e, no caso da saúde, da assistência à população. “Temos que liberar esses exames o mais cedo possível. Temos alguns profissionais da saúde afastados porque estão com sintomas gripais. Nós temos que saber qual a situação deles para saber se eles continuam ou não”, enfatiza. Esses quatro grupos têm prioridade ante os pacientes que tenham sintomas mas estejam clinicamente estáveis, acrescenta ela.
Teste rápido
Magda também explica que os testes rápidos adquiridos pelo Governo do Estado e previsto para chegar hoje ao Ceará são distintos dos testes realizados atualmente não só pelo tempo de resposta, que pode chegar a minutos. O RT-PCR detecta, a partir da amostra, a presença do vírus no organismo. Já os testes rápidos verificam a resposta do organismo ao vírus, com por exemplo, a presença de anticorpos contra o microorganismo invasor. “Nesse teste rápido é feita coleta de uma pequena amostra de sangue. Vai dizer se você está com a infecção aguda ou se você já teve. Diz se a pessoa tem anticorpos. Diz se está com a infecção, mas não diz se você está transmitindo ainda”, explica.
No primeiro momento, o Governo do Estado comprou 50 mil testes. Ao todo deverão ser, na primeira fase, 350 mil. Mesmo com a aquisição desses testes, eles não serão feitos massivamente no sentido de testarem toda e qualquer suspeita. “É preciso esclarecer que quando a gente fala de testagem massiva não estamos falando de todas as pessoas. Até para coletar o teste que fazemos hoje, o RC-PCR, o paciente que é assintomático ele não tem vírus exalando. Geralmente os exames dão inconclusivo. Então, o teste massivo é para as pessoas que tenham sintomas gripais”, esclarece.
DN

sexta-feira, 27 de março de 2020

CSP doa R$ 1,5 milhão para combate ao coronavírus no Ceará por meio de campanha da FIEC

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) realizou a doação R$ 1,5 milhão para o combate ao novo Coronavírus (COVID-19) no Estado do Ceará. Por meio da campanha "FIEC Salvando Vidas COVID-19", da Federação das Indústrias do Ceará (FIEC), os recursos serão destinados à compra de aparelhos respiratórios e demais equipamentos e insumos hospitalares para auxiliar pacientes e profissionais da saúde do Ceará.

As doações irão ajudar o Governo Estadual e Prefeituras dos Municípios do Ceará nas ações de combate e contenção de propagação do coronavírus.

Internamente, a CSP está adotando todas as medidas de prevenção ao COVID-19. Implantou uma série de ações, por meio de um comitê especial dedicado ao tema. A siderúrgica está operando com um contingente mínimo, já que cerca de 70% do seu efetivo está trabalhando de casa (home office).

A CSP está autorizada pelo Governo do Estado a funcionar por possuir Alto-Forno, equipamento que precisa ter seu funcionamento ininterrupto. Além disso, a CSP é estratégica para o controle da pandemia, pois gera energia elétrica ao Sistema Elétrico Nacional (SIN) e também oxigênio hospitalar, por meio da planta da White Martins que funciona dentro da CSP integrada ao processo siderúrgico. Esse oxigênio abastece hospitais no Ceará e em outros estados do Nordeste.

Todas as ações implantadas pela CSP podem ser consultadas no nosso site: www.cspecem.com.